PolíticaVitória da Conquista e Sudoeste

Prefeita de Conquista pleiteia investimentos para o município

Prefeita é recebida pela ministra da Agricultura, acompanhada pelo chefe de Gabinete Civil

Nesta segunda-feira (26), a prefeita de Vitória da Conquista, Sheila Lemos, foi recebida em Brasília pela ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina Corrêa Da Costa Dias, quando apresentou demandas visando o apoio e investimentos do ministério em projetos voltados para o fortalecimento da agropecuária no município.

Entre os pleitos apresentados por Sheila está a ampliação do Serviço de Inspeção Municipal de Vitória da Conquista e a reforma e estruturação da Unidade Demonstrativa da Pedra Mole, na região de Bate-Pé. A proposta é produzir e distribuir mudas nativas, a exemplo do umbu, aos agricultores familiares do município. Além disso, foram solicitados bens e equipamentos para as subprefeituras de Bate Pé, Inhobim e José Gonçalves e para o Projeto Palmas para Conquista.

“Fizemos esse pleito, hoje, cientes do compromisso do Ministério no combate às desigualdades no nordeste, em especial no nosso município. Espero que em breve as nossas solicitações sejam atendidas para que a vida do homem e da mulher do campo melhore”, comentou a prefeita.

Órgão emissor da DAP – A prefeita aproveitou a oportunidade para solicitar também o cadastramento da Prefeitura Municipal como órgão emissor da Declaração de Aptidão. A DAP reconhece os agricultores familiares como aptos a participar do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – PRONAF, responsável, entre outras atribuições, pela liberação do crédito rural.

Sheila mostrou à ministra que a quantidade de DAPs emitidas no município de Vitória da Conquista diminuiu, 1.550 agricultores foram comtemplados na safra 2017/2018 e apenas 985 na safra 2019/2020, o que causou um impacto em todas as políticas públicas para agricultura familiar, a exemplo do PRONAF, PAA e Garantia Safra. A Administração Municipal conta com corpo técnico e estrutura para emissão do referido documento, enquanto o órgão emissor da DAP ligado ao Governo do Estado da Bahia atende 24 municípios, além de Vitória da Conquista, que tem uma população rural de aproximadamente 60 mil pessoas, conforme o IBGE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: