Política

Caminhoneiro Zé Trovão se entrega à PF em Santa Catarina

A defesa de Zé Trovão afirmou que agora, após a apresentação do influenciador à PF, entrará com um pedido de liberdade para o caminhoneiro

O caminhoneiro e influenciador bolsonarista Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, se entregou nesta terça-feira (26) à Polícia Federal em Joinville, em Santa Catarina.

Em comunicado, os advogados de Zé Trovão, Elias Mattar Assad e Thaise Mattar Assad, afirmam que o caminhoneiro se apresentou espontaneamente ao delegado-chefe da PF em Joinville, Santa Catarina, cidade onde mora.

A defesa de Zé Trovão afirmou que agora, após a apresentação do influenciador à PF, entrará com um pedido de liberdade para o caminhoneiro.

“Neste dia 26 de outubro de 2021, me entreguei à Justiça brasileira, me apresentei à Justiça brasileira. Como diz nosso hino: ‘Verás que o filho teu não foge à luta’. Eu jamais iria abandonar o povo brasileiro. Quando saí do Brasil, saí para continuar falando e motivando cada um dos brasileiros de bem para lutar por uma nação justa, digna e plena. Por respeito a cada um de vocês, 20 mil inscritos aqui no meu canal, digo ‘muito obrigado’. Não sei quanto tempo vou passar no cárcere, mas tudo isso é pelo Brasil”, disse o influenciador através de seu grupo no Telegram.

Pedido de prisão mantido

No último dia 18, o Supremo Tribunal Federal (STF) manteve a ordem de prisão contra é Trovão, que é investigado em inquérito da Procuradoria-Geral da República (PGR) por ameaças à democracia.

No início de setembro, o influenciador foi localizado pela Polícia Federal em um hotel no México. “Zé Trovão” havia saído do Brasil no dia 27 de agosto, antes mesmo de a prisão ter sido determinada, e estava foragido desde então.

Fonte: CNN Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: