Colunas

Baianos buscam integrar mercado de TI com curso gratuito

Por Fabio Martins – colaborador do Repórter Hoje

20 mil vagas devem ser criadas e 260mil delas não serão preenchidas até 2024, de acordo com a Brasscom

Em apenas dois dias, o curso gratuito Programa AÊ recebeu mais de 3,5 mil inscrições. Os cursos são para iniciantes e avançados na área de Tecnologia de Informação – área que tem a maioria das vagas e melhores salários do mercado de trabalho. Hoje um desenvolvedor tem vencimento médio entre 3,5 mil a 4 mil reais, podendo chegar a mais de dez mil reais.

Ainda restam 6,5 mil vagas para o Programa AÊ, curso ofertado de uma parceria entre o Governo da Bahia e a startup Digital Inovation One. Aprender a criar jogos, aplicativos de celular e até animações é o que promete o curso, que abrange assuntos como HTML, Java e .NET.

Caroline Souza, 19 anos, estudante – foto: acervo pessoal

“Percebi que a maioria das vagas de emprego estão no eixo tecnológico, área que me interessa muito, então acabei unindo o útil ao agradável”, diz Caroline Souza, 19 anos, de Santo Antônio de Jesus. Estudante do ensino médio técnico, ela busca no Programa AÊ, uma forma de se recolocar no mercado de trabalho.

Foto: divulgação ASCOM/SECTI-BA
O Co-gestor do programa AÊ, Marcelo Leal, conta que o curso nasceu de uma carência de profissionais percebida na Bahia pelo Sebrae e pela SECTI – Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação da Bahia. “A equipe buscou em empresas parceiras para suprir essa demanda e encontrou na Digital Inovation On um ator que já tinha experiência conosco, e a custo zero – o intuito é democratizar o curso”, diz Leal. De acordo com relatório da Brasscom – Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação – até 2024, a carência pode vir a ser de 260 mil vagas não preenchidas na área.

Outra expectativa do governo da Bahia, que comemora o recorde de inscritos em menor tempo em relação aos outros estados, é tornar-se um mercado mais atrativo para empresa de tecnologia atraindo novos negócios inovadores e abrindo mais vagas de emprego com alta remuneração. Foto de capa:freepik

Fonte: Repórter Hoje | Rede Criativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: