Esportes

Bahia bate Vila Nova no Metropolitano de Pituaçu e vai às oitavas da Copa do Brasil

O Bahia está garantido nas oitavas de final da Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira (9), em Pituaçu, o Esquadrão voltou a vencer o Vila Nova por 1×0, fez 2×0 no agregado das duas partidas e conquistou a classificação no torneio nacional.  

No duelo em que o Bahia foi superior ao adversário, o ataque tricolor parou quase parou no goleiro Georgemy, mas foi do próprio camisa 1 o vacilo no gol de Gilberto, no segundo tempo. 

Além da vaga nas oitavas de final, a classificação rende aos cofres do Bahia de R$ 2,7 milhões como cota de premiação do torneio. O adversário na próxima fase será definido em sorteio.

INÍCIO MORNO
Diante de um adversário que decidiu esperar no campo de defesa para buscar o contra-ataque, o Bahia começou a partida com mais posse de bola, mas num ritmo morno, administrando a vantagem construída no jogo de ida.

Apesar de ter criado uma boa chance logo nos primeiros minutos em cabeçada de Thaciano, a tônica do primeiro tempo foi de dificuldade do Esquadrão para passar pelo bloqueio montado pelo Vila Nova.

Quando o tricolor conseguiu chegar bem na área adversária, o goleiro Georgemy apareceu para salvar os goianos. Primeiro ele fez milagre no chute à queima roupa de Thaciano, e na sequência se esticou todo para defender nova finalização do meia.

Já nos minutos finais, o Bahia tentou subir o ritmo e voltou a ficar perto de abrir o placar. Aos 37 minutos, Rossi saiu livre, mas mandou por cima. Já aos 40 foi a vez de Galdezani arriscar de longe e também parar em Georgemy.

HERÓI E VILÃO
O Bahia voltou para o segundo tempo partindo para o ataque. Explorando o jogo pelos lados do campo, o Esquadrão tentava encontrar os homens de frente. Mas era o goleiro do Vila Nova quem seguia como o nome do jogo.

No chute cruzado de Matheus Bahia, Georgemy deu um tapa salvador. Thaciano ainda tentou pegar o rebote, mas não alcançou a bola. Já na jogada do escanteio, Rossi cabeceou livre e o goleiro fez outro milagre em Pituaçu. 

Do outro lado, o Vila Nova seguia o plano de tentar surpreender no contra-ataque. O time goiano teve uma boa chance para abrir o placar quando aos 20 minutos Henan escapou contra dois defensores do Bahia. Ele tinha a opção de fazer o passe, mas preferiu a finalização e chutou fraquinho.

De tanto insistir no ataque, o Bahia chegou ao gol. E o tento veio em um grande vacilo da defesa do Vila Nova. Aos 35 minutos, Pedro Bambu recuou para o goleiro Georgemy, o camisa 1 tentou dar um chutão para frente, mas a bola explodiu em Gilberto e morreu no fundo das redes. Bahia 1×0. 

O resultado deixou o Bahia ainda mais confortável na partida, já que conseguiu o placar agregado de 2×0 na soma dos dois jogos. A partir daí o Esquadrão passou apenas a administrar o placar e aguardou apenas o apito final para comemorar a classificação. 

FICHA TÉCNICA

Bahia1x0 Vila Nova – Copa do Brasil (terceira fase)
Local: estádio de Pituaçu (Salvador-BA)
Gols: Gilberto, aos 35 minutos do 2º tempo
Cartões amarelo: Arthur Rezende, Cardoso, Ricardo Lima e Kelvin (Vila Nova)
Arbitragem: Thiago Luis Scarascati, auxiliado por Neuza Ines Back e Luiz Alberto Andrini Nogueira (trio de São Paulo)

Bahia: Matheus Teixeira, Renan Gudes (Edson), Luiz Otávio, Germán Conti e Matheus Bahia; Patrick (Jonas), Matheus Galdezani e Thaciano (Thonny Anderson); Rossi (Ruiz), Gilberto (Lucas Araújo) e Rodriguinho. Técnico: Dado Cavalcanti.

Vila Nova: Georgemy, Pedro Bambu, Renato (Ricardo Lima), Walisson Maia e Willian Formiga; Deivid (Íkaro), Dudu e Arthur Rezende (Breno); Kelvin, Pedro Júnior e Cardoso (Fernandinho). Técnico Wagner Lopes.

Correio 24 Horas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: