ColunasSaúde

Segundo a OMS atividade física ajuda a prevenir doenças do coração

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), o sedentarismo é o quarto principal fator de risco de morte no mundo inteiro. Ele é responsável por elevar o risco de doenças cardiovasculares, câncer e diabetes. Por conta disso, a prática de atividade física é fundamental na prevenção de doenças cardíacas. Todos nós já sabemos que os benefícios da prática regular de atividade física são inúmeros. O corpo humano foi geneticamente programado para estar em movimento e funciona melhor quando praticamos exercícios. Fazer exercícios regularmente previne uma série de doenças e problemas de saúde e, nessa lista, entra a prevenção das doenças do coração. “Manter o corpo em movimento auxilia no controle de diabetes, hipertensão, obesidade, colesterol e triglicerídeos. Através da prática regular de atividade física, é possível notar também uma significativa melhora da condição cardiovascular. Essa melhora é capaz de diminuir os principais fatores de risco para infarto e derrame”, explica Leandro Dias, Coordenador Geral da Rede Alpha Fitness.

E qualquer atividade física é positiva para o coração. São recomendados os exercícios aeróbicos (caminhar, correr, pedalar, nadar), os treinamentos de resistência ou força (musculação) e exercícios de alongamento. “Realizar exercícios diversificados beneficia o corpo como um todo. Os exercícios aeróbicos são fundamentais para melhorar a capacidade cardiovascular. O fortalecimento e o alongamento colaboram para que o indivíduo tenha melhor condição de saúde. Eles são essenciais para o condicionamento, inclusive como preparo para os exercícios aeróbicos”, comenta o Coordenador da Rede Alpha Fitness. Vale lembrar que, ao iniciar uma atividade física, é importante que exista um processo gradual de evolução em relação à frequência, duração e intensidade dos exercícios.

Para quem já tem alguma condição de saúde que exige atenção, é importante realizar uma avaliação médica, com o cardiologista. Ele irá avaliar as condições clínicas e orientar quanto ao início e evolução da atividade física. “O mais importante é manter-se ativo. O papel da atividade física na prevenção de doenças cardiovasculares é extremamente benéfico. Por isso, se você ainda não se sente seguro para começar, consulte seu médico e obtenha orientações. Seu coração vai agradecer”, finaliza o especialista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo