Brasil

Vítimas relatam participação de outros dirigentes da Caixa nos assédios

Funcionárias descrevem clima de “medo” dentro do banco durante a gestão do ex-presidente Pedro Guimarães, que deixou cargo na última quarta (29)

Funcionárias da Caixa relataram, sob a condição de anonimato, “conivência” e “participação” de outros dirigentes do banco nos episódios de assédio sexual e moral. Elas afirmam também que as mulheres que levam o assunto para instâncias superiores acabavam retaliadas. O caso está sendo investigado pelo Ministério Público Federal (MPF).

“É a conivência e também a participação de outros dirigentes da Caixa, que não só sabiam… Os casos eram levados ao conhecimento deles, mas também participavam de algumas dessas ocasiões, dos assédios”, contou uma vítima.

Na última quarta-feira (29), o executivo Pedro Guimarães pediu demissão da presidência da Caixa após uma reportagem revelar as acusações de assédio moral e sexual. Ele estava no banco desde o início do governo Jair Bolsonaro (PL).

CNN Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo