BahiaCidadesPolíticaSalvador e RMS

SPM lança aplicativo para garantir a segurança das foliãs no Carnaval

“Folia não combina com Misoginia” é o tema da campanha da Secretaria de Políticas para Mulheres (SPM) para a folia deste ano. O bloco Oxe Me Respeite, puxado pela cantora, Ana Mametto, atraiu milhares de foliões no domingo de Carnaval, no circuito do Campo Grande.

O trio foi seguido por centenas de pessoas, entre elas, servidoras e servidores das secretarias do Estado, da Rede de Enfrentamento à Violência e da equipe da Casa da Mulher Brasileira. O objetivo é chamar a atenção para a luta no combate à violência contra a mulher e o enfrentamento a todo tipo de preconceito, misoginia, machismo e intolerância.

Na capital e no interior do estado, algumas ações estão sendo intensificadas, como a instalação de postos de atendimento à mulher em casos de violência ou assédio nos circuitos da folia. Além dessa iniciativa, a SPM lançou o Georreferenciamento, um aplicativo que oferece informações em tempo real para promover segurança para as foliãs no Carnaval.

“Estamos com diversas ações neste Carnaval para o enfrentamento e a prevenção das violências contra as mulheres. Estamos com as tendas, com as pessoas nas ruas fazendo a sensibilização, e estamos com o aplicativo, que é muito fácil de baixar, basta digitar ‘SPM Folia’. Ele traz todas as informações e serviços que estamos oferecendo”, detalha a secretária da SPM-BA, Elisângela Araújo.

As ações foram aprovadas pela foliã Gisélia Pinheiro, que estava curtindo no bloco: “é importante que a gente traga para a mulher a possibilidade de ser reconhecida dentro de uma sociedade e que comece a ser feita a mudança de cultura, do letramento social e a aceitação da mulher, principalmente nesse cenário de carnaval, onde os nossos corpos costumam ser objetificados”.

google newa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo