Sem categoria

Lídice da Mata quer quebrar sigilos de Fabio Wajngarten

Fonte: Metro 1

A comissão tem informações de que secretário de Comunicação Social da Presidência teria participado da rede clandestina de financiamento e operação das milícias digitais bolsonaristas na eleição de 2018

A relatora da CPI das Fake News, deputada Lídice da Mata (PSB-BA), prepara um requerimento de quebra dos sigilos fiscal e bancário do secretário de Comunicação Social da Presidência, Fabio Wajngarten. 

A comissão tem informações de que o homem da comunicação do presidente Jair Bolsonaro teria participado da rede clandestina de financiamento e operação das milícias digitais bolsonaristas na eleição de 2018.

De acordo com a CartaCapital, a esposa de Wajngarten, Sophie, é sócia-diretora de uma agência de propaganda, a Cucumber. Essa agência presta serviços para um instituto filantrópico de combate ao abuso sexual infantil, o Liberta. A Cucumber teria recebido dinheiro através do instituto para articular e financiar as milícias. Grana que teria entrado no Liberta pelas mãos de empresários bolsonaristas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar