Entretenimento

Brian Cohen aka Selva, viaja à Europa a convite da Spinnin’ Records

A função do compositor não é muito lembrada pelo público mas a arte de compor é algo atrelado a alma da música, com grandes composições Brian Cohen é o único brasileiro compositor e letrista assinado atualmente na MusicAllStars, editora da gravadora internacional Spinnin’ Records. Além de seu trabalho como DJ e produtor musical no projeto Selva, Brian atua diariamente na arte de compor músicas para os artistas do selo. Anualmente participa do Writing Camp, um programa que reúne compositores, produtores e artistas do mundo todo para um “intensivão” , um laboratório musical em varios estúdios pela europa. 

E é nessa tarefa que ele acaba de embarcar. A convite da Spinnin’ Records, Warner Chappell e MusicAllStars, nesta edição o Brian passará um período em Amsterdã, na Holanda, para participar do ADE Writing Camp, durante o Amsterdam Dance Event.

De novos talentos a nomes já consolidados, essas sessões juntam compositores de diversos países para fazer o que mais amam: escrever músicas. “Da última vez que estive aqui, trabalhei com nomes como Moguai, Jay Hardway , Rebecca & Fiona entre excelentes compositores como Sophie Simmons e BrightSparks. Desta vez o intensivão será mais”intensivo”, teremos mais datas com mais artistas e diferentes estilos. Sei que vou novamente trabalhar com Blasterjaxx, também temos Ferreck Dawn, Elise LeGrow, sessions com a equipe do Tiesto entre muitos outros nomes legais.”

Além disso, Brian será um dos primeiríssimos brasileiros a contar com um perfil oficial songwriter no Spotify, uma página contendo as composições que já fez para diversos artistas como Alok, Vintage Culture, John Newman, Sam Feldt, John Summit, Sander van Doorn, Moguai, MATTN, INNA, Di Ferrero, Manu Gavassi, Matheus & Kauan e muitos mais.

“Num primeiro momento, o foco é compor, mas inevitavelmente acabo criando laços com diversos outros artistas, e a partir dessas relações é que a mágica acontece com o Selva e acabamos produzindo tracks juntos. Isso ocorreu, por exemplo, com o Moguai e o Bright Sparks, com os quais lancei ‘Nitro’, e também com a MATTN, com quem lancei o remix de ‘Sandstorm’ pela Smash The House, gravadora das lendas Dimitri Vegas & Like Mike”, revela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: